ANTIGA ESCOLA DIEGUES JUNIOR

No século XIX surgem as primeiras escolas de Maceió, vinculadas ao crescimento e maior complexidade da vida urbana na capital, o que surge representado em sua arquitetura de caráter eclético. Embora, em sua maioria, estivessem associadas a instituições religiosas, sobretudo católicas, também houve iniciativas públicas de caráter laico, estas representadas na fundação dos chamados Grupos Escolares.

Em Maceió, o primeiro estabelecimento deste tipo será o Grupo Diégues Júnior, considerado um dos exemplos mais ilustrativos dos princípios republicanos na cidade, contribuindo, dessa forma, para a construção da imagem firmada enquanto capital.

Primeiro Grupo Escolar do estado de Alagoas, o antigo Grupo Escolar Diegues Júnior foi fundado em 1912, durante o governo de Clodoaldo da Fonseca. Situada no bairro da Pajuçara, a escola recebeu o nome de um dos intelectuais mais ilustres do estado, educador e membro de uma das famílias mais antigas de Viçosa, cidade do interior de Alagoas: Manoel Balthazar Pereira Diégues Júnior.

Conforme já mencionado, o edifício apresenta características ecléticas, possuindo fachada simétrica acentuada pela cúpula na entrada principal, platibandas com pináculos decorativos em suas extremidades, na forma de coruchéus que remetem aos pinhões da arquitetura portuguesa, e entradas laterais que serviam para o ingresso dos alunos. Três acessos que se correlacionam com as salas da direção e dos professores. O prédio evidencia ainda o uso de porão alto, de modo a proteger a construção da umidade do solo, em atendimento ao Código de Posturas vigente na época.

As duas entradas laterais, assim como a entrada principal, estão dotadas com portão de gradil em ferro. Esta última apresenta sobreverga com grande riqueza de detalhamento: as ombreiras ornadas com motivos fitomórficos e a verga ornada e continuada até a região da sobreverga, trazendo figuras em relevo de anjos nas extremidades e de um leão ao centro, como o símbolo republicano de sabedoria e poder.

As janelas da edificação apresentam verga reta e sobrevergas em argamassa, parte em formato reto (metade inferior) e parte em arco abatido (metade superior), também ornamentadas com motivos fitomórficos em relevo, portando ainda balaústres em argamassa armada incrustados na alvenaria, que exercem a função de peitoril.

Internamente, nota-se a existência de um corredor central por onde se é feita a circulação, para a qual se voltam as quatro salas de aula que compõem a edificação. Desse modo, seus espaços não se comunicam, o que impede a interferência de fatores externos como o barulho, que pudessem comprometer a qualidade do aprendizado.

O terreno do Grupo Escolar Diegues Júnior é amplo, situado numa grande avenida, e a implantação do prédio se dá no limite com a calçada, sem recuo frontal, de modo que este se defronta diretamente com a rua, tendo o acesso feito pelo corpo da fachada. A escola sofreu ampliações e reformas ao longo do tempo, de modo que sua planta atual apresenta modificações em relação à original. Tendo funcionado como grupo escolar até o ano de 2005, passou a abrigar a 13ª Coordenadoria de Ensino do Estado de Alagoas, uso que permanece até hoje.

Você pode localizar esta edificação em Maceió através do Google Maps (clique aqui) e também visualizá-la no Google Street View (clique aqui)!


DOWNLOADS
Planta
Para Colorir